14 de dez de 2012

Sentimentos, passagens, escolhas...

 Apezar de existirem tantos sentimentos ruins, creio que o pior de todos é o da perda. A morte é tão temida, pois com ela perdemos alguém muito amado e importante. Quando perdemos uma chance tudo se transforma em um buraco negro imenso. Qualquer perda causa uma reviravolta tão grande nos nossos sentimentos que nunca entendemos o seu propósito.
E apezar de todas as perdas serem ruins, a pior perda com certeza é a perda de um amor. A perda da chance de amar e ser amado, correspondido. Quando um grande amor vai pra longe e só volta depois de um certo tempo suficiente para bagunçar os sentimentos, os pensamentos, tudo...
Nosso eterno peoblema é que não cremos que em outros dias outros amores surgirão, não cremos na nossa capacidade de conquistar. Afinal, tudo isso é tão relativo, e nunca fez tanto sentido mesmo.
A melhor solução encontrada é correr atrás do prejuízo. Algumas vezes nessa rota de tentar voltar atrás conseguimos, e reencontramos o que queremos, mas em outras vezes, encontramos um futuro completamente diferente do imaginado.
O importante mesmo é pensar bem nas escolhas do coração, e se a mente achou aquilo tudo correto, vá em frente, pois valerá a pena, afinal, quando nosso coração decide algo sozinho causa um desastre, mas quando está em sintonia com a cabeça, é como um pescoço, bota tudo no lugar.

Beijinhos e até o próximo post...

Imagem: We Heart It

Nenhum comentário:

Postar um comentário